The Prime Tamandaré Rua 5, n.691, Sala 202,Setor Oeste, Goiânia/GO CEP: 74333-230

8:00 am - 18:00 pm
Seg a Sex




Preencha todos os campos para calcular

kg
m
Veja a interpretação do IMC
IMCClassificaçãoObesidade (grau)
Menor que 18,5Magreza0
Entre 18,5 e 24,9Normal0
Entre 25,0 e 29,9SobrepesoI
Entre 30,0 e 39,9ObesidadeII
Maior que 40,0Obesidade GraveIII
Seu IMC:

Exercícios físicos após cirurgia bariátrica

Exercícios físicos após cirurgia bariátrica

A cirurgia bariátrica não é uma solução mágica contra a obesidade. E, segundo um estudo ainda em andamento na Universidade de São Paulo (USP), ela nem vale tanto a pena se não vier acompanhada de exercícios físicos. O exercício físico é fundamental para manter os benefícios à saúde conseguidos pela cirurgia bariátrica, comprova pesquisa realizada pela Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

No estudo, mulheres obesas que passaram pela cirurgia e realizaram treinamento físico supervisionado ampliaram a sensibilidade à insulina, reduziram a inflamação e melhoraram a saúde dos vasos sanguíneos. Desse modo, o exercício reduziu os riscos de doenças associadas à obesidade, como diabete, hipertensão e aterosclerose, ampliando os ganhos obtidos com a redução do peso corporal.

A prática de atividades físicas melhora o humor, o desempenho sexual, a qualidade do sono, a resistência imunológica e a produtividade no estudo ou no trabalho, além de aumentar os índices de HDL (colesterol bom). Ao mesmo tempo, reduz a ansiedade, o risco de acidentes coronarianos fatais e a pressão arterial, bem como as taxas de LDL (colesterol ruim), triglicerídeos e glicemia.

Os exercícios devem começar a ser praticados antes mesmo da cirurgia bariátrica. Em muitos casos, o procedimento só pode ser realizado após a perda de alguns quilos. Após a cirurgia, a atividade física é muito importante para o controle de peso em longo prazo. Ao escolher seu exercício, lembre-se que cada pessoa tem suas necessidades, habilidades e preferências. O que é recomendado para um pode não ser o ideal para outro, ou você pode simplesmente preferir determinada atividade. Por isso, é fundamental consultar seu cirurgião bariátrico e um preparador físico ou fisioterapeuta.

Outra questão importante: não se deixe acomodar. Naturalmente, logo após a cirurgia, os exercícios devem ser de leves a moderados e sob supervisão. Com o tempo e a repetição, sua performance melhora naquela atividade, então a tendência é queimar menos calorias. Portanto, é necessário aumentar gradualmente a intensidade ou a extensão do exercício.

Quando começar ou voltar aos exercícios físicos após a cirurgia?

O mais breve possível. Na primeira etapa, pós-cirurgia, as atividades devem ser monitoradas, pelo menos, por 30 dias. Caminhadas progressivas e exercícios específicos são orientados caso a caso. Normalmente, após 40 dias já se pode realizar a maioria das atividades, salvo restrições médicas.

Quais exercícios físicos praticar e com qual frequência?

Comece pela caminhada e vá aumentando o ritmo progressivamente, tanto em volume (tempo) quanto em intensidade (velocidade). É a caminhada que dá base para as demais atividades. Mas também são fundamentais, na composição do programa de treinamento físico, os exercícios coordenados, aeróbios ou não. A escolha vai depender dos objetivos e das condições físicas de cada paciente. Atividades aquáticas, como hidroginástica, são outra ótima opção para perder peso. Quanto à intensidade, de três a cinco vezes por semana é suficiente não só para continuar emagrecendo, mas também para se manter saudável.

Que exercícios físicos são indicadas em longo prazo?

Isso depende dos objetivos de cada pessoa. Também deve-se levar em conta características pessoais como sexo, idade, estatura, peso e a própria composição corporal. De modo geral, é importante um planejamento que envolva exercícios aeróbios (caminhada, bicicleta, natação, hidroginástica), alongamento, exercícios de flexibilidade e com sobrecarga, que promovem hipertrofia muscular.

Por quanto tempo devo praticar atividades físicas? 

Para sempre! Ainda que você adquira o corpo dos seus sonhos, a manutenção requer disciplina e precisa ser permanente. Manter-se ativo fisicamente é condição essencial para qualquer pessoa melhorar sua qualidade de vida, independentemente de ter se submetido à cirurgia bariátrica ou não. E vale lembrar que ninguém – nem mesmo paciente operado – está imune ao aumento de peso. Por tudo isso, engaje-se num programa de atividades físicas. Mais do que ajudar na luta contra a balança, isso vai contribuir para tornar sua vida mais saudável.

Dr. Paulo Reis Esselin de Melo
CREMEGO – 9595
Especialista em Cirurgia Bariátrica .

 

Posts Relacionados

Até quando você vai aceitar a obesidade na sua vida ?

Marcar Consulta