The Prime Tamandaré Rua 5, n.691, Sala 202,Setor Oeste, Goiânia/GO CEP: 74333-230

8:00 am - 18:00 pm
Seg a Sex




Preencha todos os campos para calcular

kg
m
Veja a interpretação do IMC
IMCClassificaçãoObesidade (grau)
Menor que 18,5Magreza0
Entre 18,5 e 24,9Normal0
Entre 25,0 e 29,9SobrepesoI
Entre 30,0 e 39,9ObesidadeII
Maior que 40,0Obesidade GraveIII
Seu IMC:

HGG Lança Cirurgia para Tratamento de Diabetes – Coordenado pelo Dr. Paulo Reis

HGG Lança Cirurgia para Tratamento de Diabetes – Coordenado pelo Dr. Paulo Reis

O Serviço de Cirurgia Metabólica para tratamento do Diabete tipo 2 foi lançado ontem pelo Hospital Estadual Alberto Rassi(HGG). O procedimento toma o HGG a primeira unidade de saúde pública no Estado a fornecer o serviço. A primeira cirurgia está agendada para hoje.

O procedimento será direcionada aos pacientes diabéticos que já estão inseridos no Programa de Controle e Cirurgia da Obesidade (PCCO) do HGG, realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A operação é conhecida por curar a doença com uma técnica cirúrgica, reconhecida e aprovada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).

Cirurgia metabólica

O procedimento tem a intenção de curar a doença com uma técnica cirúrgica, reconhecida e aprovada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), que faz com que o paciente não tenha mais que fazer uso de insulina. Além disso, a cirurgia será direcionada aos pacientes diabéticos que já estão inseridos no Programa de Controle e Cirurgia da Obesidade (PCCO) do HGG, com tratamento totalmente realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Em síntese, o cirurgião geral Paulo Reis explica que a técnica consiste em mudar a ‘arquitetura’ do trajeto gastrointestinal do paciente, que induz a liberação de hormônios, chamados incretinas, que permitem o controle da glicose. Após a cirurgia é feita reavaliação do paciente, onde poderá ter suspenso o uso das medicações, inclusive da insulina. “Antes da cirurgia são realizados uma série de exames a fim de avaliar as chances de remissão da doença (cura). Além disso, alguns ficarão livres da insulina e de outros medicamentos para diabetes, outros conseguirão controlar a glicose, usando algum tipo de medicação, o que não era possível antes da cirurgia”, diz Paulo Reis.

Recuperação

Por fim, a recuperação é como a de uma cirurgia bariátrica normal, tendo o paciente uma dieta inicial para a adaptação à nova condição alimentar e, em torno de 20 a 30 dias, poderá voltar às suas atividades normais. “Caso haja uma remissão total da doença, o paciente poderá ter uma vida normal, inclusive se alimentando normalmente. Contudo, é importante lembrar que o paciente precisa manter bons hábitos, como alimentação equilibrada e atividade física”, adverte o médico.

________________________________________________________________________________

Veículo: DAQUI – GO
Editoria: GERAL
Tipo: Matéria
Veiculação: 11/05/2018
Página: 07
Assunto: HOSPITAL ALBERTO RASSI -HGG
Você tem dúvidas sobre a obesidade, diabetes, cirurgia bariátrica, cirurgia metabólica, dietas? Aqui no site e no canal do YouTube Instituto Dr. Paulo Reis você encontra vídeos com respostas para dúvidas frequentes, orientações de pré e pós-operatório e muito mais.
Dr. Paulo Reis Esselin de Melo
CREMEGO – 9595
Especialista em Cirurgia Bariátrica.

Posts Relacionados

Até quando você vai aceitar a obesidade na sua vida ?

Marcar Consulta